Buscar
  • DPI Gráfica

Resolução de Imagens: Como saber qual é a ideal para o seu projeto?

Para a maioria das pessoas, entender a importância da resolução de imagens para um projeto parece algo muito complicado. Isso porque não entendemos, de fato, porque devemos nos preocupar com isso.


Afinal de contas, a imagem, no papel, terá a mesma qualidade que a vemos na tela de nosso computador, não é mesmo? Bem, na verdade não é assim. Imagens em baixa resolução, por exemplo, quando ampliadas não ficarão bonitas.


Por isso é vital saber a resolução de imagem correta para o seu projeto, assim você não perderá qualidade. Agora, você sabe como fazer isso? Se sua resposta for não, fique tranquilo.


Preparamos um texto que vai lhe ajudar a entender essa relação. Confira abaixo.

Relação entre resolução e tamanho da imagem


Antes de falarmos qual a resolução ideal para o seu projeto, é importante entender a relação entre resolução e tamanho de imagem, afinal elas influenciam na qualidade de sua impressão.


Ao contrário do que o senso comum pensa, para uma imagem sair com uma boa qualidade na hora da impressão, não é seu tamanho que conta, e sim sua resolução.


A resolução de uma imagem é composta pela medida do DPI (Pontos por polegada, ou Dots Per Inch). Quanto mais “pontinhos” nesta imagem, melhor a qualidade.



Atualmente, uma imagem em alta resolução tem, no mínimo, 200 DPI. Mas, para garantir, é comum que gráficas solicitem arquivos com 300 DPI, tamanho que já está padronizado em boa parte das impressoras.


Importância do formato

Além da resolução de um arquivo, outro dado que deve ser levado em consideração é o formato dele. Isso porque, dependendo do tipo de trabalho que você está imprimindo, será preciso muito mais do que 300 DPI para que a imagem fique com boa qualidade.


Para ajudar, separamos alguns formatos de arquivos e os tipos de impressões em que são mais indicados.


JPEG

Um dos mais conhecidos formatos, o JPEG é o mais recomendável para imagens em baixa ou média resolução. Embora ele consiga manter o arquivo em alta resolução, sempre que é editado ele perde qualidade. Então, o mais recomendável é usar esse formato após terminar as edições.


EPS

O EPS é um formato que suporta alta qualidade, mas fica muito pesado. Além disso, ao invés de classificar a resolução em DPI, ele usa uma linguagem que é compreendida apenas por impressoras. Os programas de edição não conseguem entender essa linguagem.


TIFF

O TIFF é o formato perfeito para quem vai fazer trabalhos de impressão gráfica, porque ele mantém a qualidade de resolução sem compactar os arquivos. Esse formato é mais indicado para impressão de imagens, como fotografias ou figuras, já que consegue suportar várias camadas e reproduzir mais detalhes.


Resolução ideal para cada tipo de projeto

Agora que você já sabe sobre resolução e tamanho, é hora de contarmos qual a resolução ideal para cada tipo de projeto. Confira.


150 DPI

Permite uma visualização legível de textos em tamanho reduzido, mas compromete a qualidade de imagens. É muito utilizado em jornais ou materiais gráficos de uso pessoal ou não oficial.


300 DPI

Oferece qualidade de impressão profissional para documentos de texto, como folders ou cartões.


600 DPI

É indicado para materiais com desenhos mais complexos ou fotografias.


1200 DPI

Garante imagens com excelente qualidade, sendo muito utilizado na impressão de fotografias com maior nível de detalhes e complexidade de cores


Acima de 1200 DPI

Ideal para impressões de fotografias profissionais em altíssima resolução.


13 visualizações

QUEREMOS FALAR COM VOCÊ!

Calçada das  Violetas 110 - Centro Comercial de Alphaville 
Fones: 11 4208-7887 / 11 4688-1543 / 11 4688-1542 / 11 4191-1415

  • Facebook
  • LinkedIn
  • Instagram DPI Gráfica